9.30.2010

forte como o vento quando sopra

é engraçada a forma como chegamos aqui. alguns trancos e pregos no caminho, mas a caranga foi que foi e pegou, né? apesar de tudo, é fácil dizer porque somos amigas. claro que eu poderia listar as mil coisas que tu faz que me irritam profundamente, e que por vários 'trizes' eu quase achei que nossa amizade iria para as cucuias, no entanto prefiro listar todas as mil razões pelas quais eu  gosto de ti. 

eu diria que temos uma caracteristica em especial que nos une.  somos livres, desprovidas de preconceitos, temos pressa pra viver e fome de amar. não somos menininhas tocadoras de piano, e sabemos que a felicidade está além de regras. tu, assim como eu, sempre que encontra um paraíso, também encontra, inevitavelmente, um pecado original. possuímos uma natureza hedonista, e somos conduzidas impulsivamente pelo prazer pela vida. teu vício pela paixão é quase como o vício em heroína, o que te torna especial, e por sua vez, igualzinha a mim. consequência não é algo que te faz agir com cautela. ser assim é tua paz e tua guerra. tu vai lá, seduz, faz, ama, grita, chora, sofre e vira cinzas. se tiver de ser assim, que seja. porém, ao contrário de mim, tu se demora na dor de amor, e passa uma década pra sair do estado pó, pra depois ressurgir feito fênix. nas questões sentimentais, o que nos difere é isso e também o fato de que eu me apego facilmente, e tu não. contudo, eu tenho um próton a mais de juízo, e isto me poupa de algumas situações, digamos, desagradáveis, e de algumas tristezas futuras, que são totalmente desnecessárias. entretanto - e felizmente - a vez que agimos juntas de forma precipitada  e irresponsável - pelo menos foi o que disseram - fizemos uma louca viagem cheias de loucas expectativas, que por sinal foram superadas a cada dia. nós saímos do 'lugar comum' para a poesia concreta. duas mutantes num lugar gelado, belo e cinza. 

foi quando de fato nos conhecemos. 

lembro dos dias em que o tempo estava cruelmente frio, e tu fazia um café  com leite, pra gente tomar em silêncio, ou tagarelando sobre as loucuras da balada da noite anterior. e como toda coisa muito boa tem seu lado ruim, além de toda risada compartilhada, nossos defeitos também foram expostos,  uma vez que estávamos convivendo. defeitos irritantes, que colocaram à prova uma amizade tão recente. dizem que é assim que uma amizade ou começa ou termina de uma vez. felizmente nós saímos ilesas dessa prova - ou quase - e estamos aqui, contando, e vivendo mais histórias hilárias. sinto falta dos nossos domingos improdutivos na tua casa, que nos movíamos apenas pra nos espreguiçar. não sei porque demoramos tanto tempo pra nos encontrar, se tínhamos o mundo todo em comum. guardarei pra sempre comigo as nossas canções, minha amiga grande e pequena, que chora lendo qualquer coisa que eu escrevo, e não bate-cabelo comigo ao som de madonna nem a pau. é teatro mágico que nos embala até hoje, nos fazendo lembrar que nossa amizade entorta, enverga, capota, mas não quebra.



"Vou contar histórias dos dias depois de amanhã
Vou guardar tuas cores, tua primeira blusa de lã


...


Nosso canto será o mais bonito Mi Fá Sol Lápis de cor
Nossa pausa será o nosso grito que a natureza mostrou
A gente é tão pequena, gigante no coração
Quando a noite traz sereno a gente dorme num só colchão"


Teatro Mágico. 

 

 

18 comentários:

  1. Adorei este post..
    tenho uma amiga especial deste jeito..
    Amizade de anos, que sobreviveu a alguns anos de distância, sobreviveu às nossas drásticas mudanças. E hoje vejo que mesmo sendo tão diferentes, é como se no fundo eu tivesse muito dela e ela muito de mim, como se uma não existisse sem a outra. Acho que não existiria mesmo... Foi minha base de sustentação em muitos momentos, mesmo sem perceber. Hoje tem um filho (meu afilhado) que é também minha razão, meu amorzinho, pedra preciosa. Ela é alguém com quem eu digo que quero envelhecer junto, fazer caminhada de manhã cedinho e jogar damas na praça... rs.
    E é tão bom saber que existe alguém tão especial assim na vida da gente, não é?
    Não temos gostos tão parecidos assim, mas nossos pensamentos as vezes parecem conectados.
    Sei que a existência não teria a mesma graça e eu não teria a mesma "força" que tenho se não tivesse essa amizade na minha vida.

    Ps: tb adoro Teatro Mágico, e essa música é liiiinda!

    beijO

    ResponderExcluir
  2. Me lembrei da minha amiga. Dividimos cada coisa e cada história, e o medo de nos separarmos ano que vem é grande ): Doi ;x
    OBRIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIGADA flor, estou mto feliz por gostar do que escrevo (:
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Que bonito, Lu...daqueles textos que mereciam ter asas.

    Beijo.

    ℓυηα

    ResponderExcluir
  4. todo mundo devia ter um amigo assim. eu tenho! e posso dizer que a vida não seria a mesma sem eles!

    bjo gata garota! adoro passar por aqui!
    :)

    ResponderExcluir
  5. Bem aventurado é aquele que conhece o verdadeiro sentido de uma amizade de verdade...
    è triste pensar que existem tantas pessoas que não acreditam nisso...
    Eu acredito e vivo intensamente uma amizade...
    Aquela amiga que a gente sente ter te acompanhado todas as encarnações... a eternidade não é suficiente... Eu sinto que jamais estarei sozinha... è único se sentir assim por toda a vida...

    Abraço Luna...

    É bom conhecer pessoas que tem alguém assim, você deve ser maravilhosa...

    Adorei estar aqui. posso voltar?

    ResponderExcluir
  6. eu fico sempre encantada com tudo por aqui... qndo crescer quero escrever assim!
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Eu que quase ia chorando... amizade assim é rara e bonita de ver.
    Texto lindo, Lu!
    E a trilha sonora de vocês sempre me faz chorar x)

    Beijão!

    ResponderExcluir
  8. Descrevesse minha irmã e eu, juntas. Será? rs

    Bom fim de semsna!

    ResponderExcluir
  9. Até me loguei e vim comentar... Aquela coisa bem tipo "traje de gala". Não pq "hoje" mereça, mas pq é meeeuuu! rsrs... Até pq não é segredo nenhum pra ti que quase que diariamente eu to por aqui, lendo, chorando, e inclusive decorando teus textos como tu bem sabe.

    Minha gordinha, meu amor. Nem sou tão boa em palavra como vc mas tenho uma boa professora, e vou tentar de coração.


    E em um comentário aí por cima colocaram isso aqui "É bom conhecer pessoas que tem alguém assim, você deve ser maravilhosa..."

    Sim, vc é maravilhosa, em todos os teus defeitos, tua mania de madona, teus vestidos lindos, teus saltos que me matam de inveja, tua chatice, teu escorpianismo exagerado, teus bicos, tuas fotos, teus abraços, tua mania de não parar de falar (rsrsrsrs), nossos cigarros, nossas embriaguês juntas.

    Com vc, assim como comigo acontece bem "as vezes te odeio por quase um segundo, depois te amo mais".

    E amo de verdade, mesmo que por vezes tenha vontade de te matar rsrs, mas eu sei que as duas são recíprocas.

    Ai meu deus, fui ler de novo e saber o que escrever mais, e ja to chorando, sua chata.

    Minha gordinha, e ao som do Teatro Mágico eu só tenho uma coisa a te dizer: "enquanto houver vc do outro lado aqui do outro eu consigo me orientar (...) tua ausência fazendo silencio em todo lugar (...) só enquanto eu respirar, vou me lembrar de vc..."



    Te amo demais, de qualquer jeito que só a gente sabe.

    ;*

    ResponderExcluir
  10. Acho que todo mundo merecia ter uma amizade assim. Lindo, inocente, sincero. E, melhor ainda, com gosto de café com leite.

    Lindo demais. Você realmente não perdeu a essência desde que eu fui embora.

    ResponderExcluir
  11. Estou ficando tão repetitiva aqui, mas o que posso fazer? Se amo tudo que você escreve. Faz nascer sol aqui do lado de cá, sempre.


    beijos

    ResponderExcluir
  12. e que outras histórias venham e sejam compartilhadas aqui (:

    beijas, Lu :*

    ResponderExcluir
  13. Que coisa mais lindaa! *-*
    Amei de verdade isso que você escreveu. Muito lindo!
    ;**

    ResponderExcluir
  14. é a thalita?

    anyway, texto ótimo

    e é bom a gente ter amigos assim...
    é bom

    ResponderExcluir
  15. É tão forte como vento quando sopra. Tão forte que não quebra não importa. Podes crer, podes crer, estou falando de amizade... :)

    ResponderExcluir
  16. Pô, amizade assim não se encontra todo dia.

    Lindo, luna. :)

    ResponderExcluir
  17. eu tenho algumas amigas assim, que mais que amigas, pra mim são irmãs. brigamos, zuamos, mas não seríamos NÓS se não fosse a outra.

    ResponderExcluir

- me concede uma dança?

Baila Comigo está protegido por uma Licença Creative Commons. Credite.

Licença Creative Commons